Como

Impulsionar a Autoconfiança em 10 Passos

Aqui estão 10 maneiras concretas de amar a si mesmo e aumentar a confiança para alcançar a realização dos seus sonhos.
Como <p><em>Impulsionar</em> a Autoconfiança em 10 Passos

A confiança é a coisa mais poderosa e tangível que você pode cultivar para alcançar a vida que deseja. Você pode ter aprendido a partir dos anos 90 em vários filmes que uma mulher confiante consegue tudo que deseja. 

Mas, na verdade, o que não aprendemos nos filmes é que, a confiança é a chave para fazer melhorias drásticas, seja em sua saúde, carreira ou relacionamentos. Em outras palavras, pare de esperar que as circunstâncias aconteçam e, trabalhe primeiro para aumentar a autoconfiança.

As mudanças que você deseja fazer em sua vida acontecerão como um sopro depois desse post. Aqui estão 10 maneiras concretas de amar a si mesma e aumentar a confiança para alcançar a realização dos seus sonhos.

Como <p><em>Impulsionar</em> a Autoconfiança em 10 Passos

1. Seja Sempre honesta consigo mesmo

Você ama seu trabalho? Você realmente gosta de todas as suas amizades? Você é aberta sobre os hobbies que lhe dão alegria (sim, mesmo os geeks)? Ser SINCERAMENTE honesta não apenas iluminará áreas em sua vida, mas também irá forçá-la a parar de tentar “se encaixar” (o trauma do ensino médio ainda pode realmente nos afetar, sabia?).

 E quando você perceber o que realmente ama e gosta, faça mais  disso. Você não pode estar totalmente confiante a menos que reconheça abertamente, aceite e se sinta confortável com quem você é.

Isso também significa conhecer seus pontos fortes e aceitar tudo o que você considerou anteriormente, uma “fraqueza”. Conhece aquela famosa citação de Albert Einstein que é escrita em cartões inspiradores e citada em discursos motivadores? 

“Todo mundo é um gênio. Mas se você julgar um peixe por sua habilidade de subir em uma árvore, ele viverá a vida toda acreditando que é estúpido.” 

Albert Einstein

Lembre-se desta lição quando você estiver focando em seus “pontos fracos”. Se você é tímida perto de várias pessoas, não fique sentada desejando ser mais comunicativa. Em vez disso, aprecie o fato de que você é realmente carismática em situações individuais. Acompanhe os hobbies, as pessoas e as atividades que fazem você se sentir como você é e faça disso sua prioridade. 

2. Use a Criatividade

Antes dos primeiros encontros ou grandes apresentações, costumamos nos concentrar nos piores cenários. Não apenas o cenário do tipo seu namorado não vai te achar bonita o suficiente, mas os cenários do tipo e se eles não gostarem de mim. 

Em vez disso, visualize-se na apresentação ou desfrutando do primeiro encontro como a versão mais elevada de si mesma. Se você não tem certeza de como é o seu eu superior, pense em como você age em seus relacionamentos quando está mais confortável. 

Como <p><em>Impulsionar</em> a Autoconfiança em 10 Passos

3. Pratique a empatia e positividade

Já estabelecemos que a confiança requer uma mudança na mentalidade interna, não uma mudança na validação externa. Mas se, mudar sua mentalidade fosse tão fácil quanto apertar um botão, estaríamos todos confiantes. 

Então, qual a chave para a autoconfiança? Empatia e positividade!

 Assim como a felicidade , empatia e positividade são habilidades, não circunstâncias. Ao trabalhar esses músculos em outras pessoas e situações, você também começará a sentir empatia e positividade por si mesma. 

Trabalhe no pensamento positivo por meio de um diário de gratidão (eu criei meu diário da gratidão no app chamado TELEGRAM, me fale nos comentários se querem que eu ensine aqui como criar um para você também) ou exercícios e priorize a mentalidade do copo meio cheio em todas as situações. 

Veja o que há de bom em outras pessoas (incluindo celebridades, influenciadores e amigos – ex-namorados isentos desta lista) e você começará a ver mais COISAS BOAS em você também (garantido).

4. Aceite Elogios Verdadeiros

Podemos concordar em parar de minimizar quando recebermos um elogio? Não é verdade que nos rebaixar faz as outras pessoas se sentirem mais confortáveis em seus elogios. Na verdade, ele geralmente cria um sentimento de piedade ou vítima, para não falar que está automaticamente prejudicando a sua confiança

Quando um colega de trabalho lhe disser que você acertou em cheio na apresentação, não responda com “Não teria conseguido sem minha equipe” ou “Sério? Eu gaguejei o tempo todo! ” Diga: “Muito obrigado! Trabalhei muito e estou muito animado com o resultado. ”

Da mesma forma, quando um amigo elogiar seu cabelo, não diga: “A não…, eu tenho um cabelo tão bagunçado, gastei 45 minutos para deixá-lo em ordem!” Em vez disso, responda com um simples “Obrigado!” e tenha um momento para sentir internamente bem sobre si mesma.

Se apenas dizer “obrigado” parecer desconfortável, sinta-se à vontade para retribuir o elogio, mas pare de minimizar os elogios que recebe. 

Como <p><em>Impulsionar</em> a Autoconfiança em 10 Passos
Aproveite para conhecer esse curso online que traça uma jornada completa da sua vida!

5. Seja inteligente diante das redes sociais

Não é nenhum segredo que a mídia social é um sugador de confiança. Ser constantemente bombardeada pela versão bonita e filtrada de centenas ou milhares de outras pessoas não é exatamente a melhor receita para se sentir bem com você mesma.

Sabemos que só colocamos nossas melhores fotos, selfies e lados para o mundo ver, enquanto mantemos a “vida real” (como cozinhas bagunçadas, lágrimas de TPM e estrias) offline. Faça um favor a si mesma e silencie ou pare de seguir todos no Instagram, exceto algumas contas selecionadas que trazem inspiração, motivação e felicidade sempre que você clica em seus feeds ou histórias, não vale a pena ficar torturando sua auto estima, enquanto não estiver segura sobre isso.

6. Não crie rótulos

Desde o ensino fundamental, meu amor por leitura sempre foi a primeira coisa que os professores notaram sobre mim. Por 20 anos, eu me classifiquei em categorias de “Eu sou uma leitora e sou criativa”, mas por causa dessa identidade, também disse: “Não sou boa nos negócios” ou “Não sou um pessoa boa com números.” Sempre assumi o tipo de personalidade “criativa e de espírito livre” e não me sentia confiante em nenhuma habilidade relacionada a negócios ou finanças pessoais. 

Mas quando me tornei adulta, eu estava sentindo que não era boa com dinheiro e que criatividade era tudo que eu tinha para oferecer ao mundo. Comecei a dizer a mim mesma: “Sou uma mulher de negócios” e “Sou inteligente com dinheiro”. 

Isso me deu confiança para me inscrever em aulas de finanças e começar meu próprio negócio paralelo. 

O que eu quero dizer com isso? Pense nas histórias que tem contado a si mesma sobre quem você é e substitua as palavras que seguem na frase “Eu sou”. 

Você tem dito a si mesma: “Eu sou estranha”, “Eu sou tímida”, “Eu sou feia” ou “Eu não sou boa o suficiente?” Mude as palavras depois de “Eu sou” para qualquer coisa que você queira ser e, eventualmente, você começará a acreditar.

Como <p><em>Impulsionar</em> a Autoconfiança em 10 Passos

7. Saia do seu mundinho

Como humanos, vemos a realidade através de nossas próprias perspectivas e, portanto, tudo gira em torno da maneira como a experimentamos. Quando você está sentindo falta de confiança, pode ser tentador mergulhar em seus sentimentos ou desabafar com os amigos. 

Embora você deva confiar nas pessoas que fazem você se sentir melhor, certifique-se de sair também. Faça perguntas a outras pessoas mais do que falar sobre você (e ouça!), Ou seja voluntária em uma organização que precisa de ajuda. Sai do seu mundinho fechado, dando e vivendo novas oportunidades.

Não só focar nas outras pessoas fará você se sentir melhor consigo mesmo (porque nada é mais poderoso do que ajudar outra pessoa), mas também perceberá que as outras pessoas não pensam em você da maneira que você pensa que pensam (entende?!). 

Outras pessoas estão muito envolvidas em seus próprios problemas para perceber que você é um pouco estranha ou que tem uma espinha no queixo. Um dos truques de vida mais importantes que aprendi: você deixará de se sentir constrangido no minuto em que voltar sua atenção para ajudar outra pessoa. 

8. Faça mais coisas que o deixem desconfortável

Sair da sua zona de conforto é – você adivinhou – desconfortável, mas pode fazer uma grande diferença em como você se sente sobre si mesma. Experimente algo novo que você tenha medo de experimentar, seja cozinhar um novo tipo de comida, participar de uma aula de ginástica diferente ou fazer networking com pessoas que você normalmente é muito tímida para falar. 

A boa notícia é que você não precisa ser boa em qualquer coisa nova que está fazendo para aumentar a auto-estima. Na verdade, você provavelmente não será boa. A confiança vem quando você continua fazendo, mesmo quando não é boa nisso. Ela vai te ensinar a se sentir confortável em situações desconfortáveis ​​e realizada em tentar algo novo. 

Como <p><em>Impulsionar</em> a Autoconfiança em 10 Passos

9. Cumpra as promessas para si mesma

Temos uma concepção de que “confiança” significa ter um alto conceito de nós mesmos, o que não é necessariamente verdade. Para quebrar isso, a confiança é na verdade uma combinação de auto-estima e autoeficácia . Autoeficácia se refere à crença que você tem em si mesmo para realizar algo. Em outras palavras, para aumentar a confiança, você deve fazer e cumprir promessas as suas promessas pessoais. 

Se você quiser comer mais vegetais ou ir para a cama mais cedo, faça um plano e siga em frente. Lembre-se de que há mais coisas em jogo do que verduras ou dormir o suficiente. Pense nisso como um amigo; quanto mais você pode contar e confiar neles, mais você os ama e respeita. O mesmo se aplica ao relacionamento que você tem consigo mesma. Coma o que você diz que vai, vá para a cama quando disser que vai, e veja sua confiança subir rapidamente.

10. Cultive o “eh isso!” na sua mentalidade

Canalize sua Dua Lipa interior e simplesmente não se importe. Normalmente, não sou fã da situação e acho que cuidar das pessoas é a coisa mais poderosa que podemos fazer como seres humanos, mesmo quando dói, mas quando se trata de cultivar a autoconfiança, sou uma defensora. 

Ou seja, às vezes você precisa se lembrar que nem tudo é tão importante quanto você imagina. Você ganhou alguns quilos extras – quem se importa? Você é tímida para conhecer gente nova – grande coisa! O negócio paralelo que você deseja lançar pode falhar – e daí? 

Fazer algo que você quer fazer ou ser alguém que você quer ser (enquanto diz “vá se ferrar!” Para as inseguranças) pode ser a melhor coisa que você poderia fazer por si mesma. Apenas como um lembrete, não leve tudo tão a sério; é apenas vida! O objetivo é se divertir  . 

Que dicas ajudaram a melhorar sua confiança?